Blog Seagro

Prefeituras investem em novos aterros sanitários

O

 desenvolvimento tecnológico e a experiência prática de profissionais de entidades públicas e empresas privadas têm permitido a introdução de soluções e técnicas inovadoras na redução dos prejuízos ambientais. Nos dias atuais, várias Prefeituras em todo o Brasil estão investindo em novos aterros sanitários e se utilizado da implantação das geomembranas de PEAD e geossintéticos em geral. Os novos aterros tornaram-se uma necessidade para as cidades que se preocupam com os impactos ambientais causados pela imensa quantidade de resíduos sólidos urbanos produzido atualmente.

Aterros Sanitários
A aplicação da manta de Geomembrana de PEAD impede que o chorume, líquido altamente agressivo produzido pela decomposição do lixo doméstico, entre em contato com o solo e, consequentemente, contamine o lençol freático. O material é coletado pelos sistemas de drenagem e encaminhado às estações para que seja devidamente tratado.

A Geomembrana aumenta o volume de armazenamento de lixo no aterro e consequentemente seu tempo de utilização.

Também, junto com a construção dos novos aterros sanitários, as prefeituras estão investindo em outras ações, como a coleta seletiva, que auxiliam na vida útil do aterro. Depósitos e equipamentos auxiliares na separação do lixo, são colocados a disposição de cooperativas de trabalhadores que tiram seu sustendo da reciclagem.

Portanto os novos aterros sanitários passaram a ser de grande importância no planejamento estratégico dos municípios, já que a própria legislação brasileira vem impondo uma crescente exigência de eliminação de lixões antigos causadores de sérios danos ambientais e a importância da utilização dos recursos tecnológicos para uma adequada gestão dos resíduos sólidos, ambientalmente apropriada e tecnicamente eficiente.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *